O que determina uma vida boa?

O que significa para si uma vida boa?

Seja o que for que nos distingue e realiza, não há como discordar que felicidade e saúde devem fazer parte de uma vida boa.

O maior estudo longitudinal sobre desenvolvimento humano adulto, que decorre na Universidade Médica de Harvard há quase 80 anos, veio mostrar-nos que o fator mais preditivo para a felicidade e saúde é a qualidade dos relacionamentos que desenvolvemos ao longo da vida.

Isto significa que pode ter um emprego fantástico, uma conta bancária bem recheada, mas se a qualidade dos seus relacionamentos deixar muito a desejar, é provável que não se sinta feliz e que a sua saúde se ressinta.

Será que estamos conscientes disto?

Os números alarmantes das estatísticas sobre divórcio, depressão e ansiedade em adultos, jovens e até crianças, descontentamento e desmotivação no trabalho, refletem inúmeras dificuldades nas várias esferas de relacionamento (pessoal, intrapessoal, profissional, virtual e comunitário).

Porquê? O que é que falha nos nossos relacionamentos e nos impede de sermos plenamente felizes e saudáveis?

A forma como comunicamos.

Presos a uma dialética de certo / errado, bom / mau, adequado / desadequado, todos os dias nos perdemos numa lógica de pensamento que procura julgar ou classificar o comportamento do outro (ou o próprio) em vez de nos focarmos no que sentimos e precisamos e também naquilo que o outro pode estar a sentir e a necessitar.

O jogo do certo ou errado levanta tantas barreiras quanto frustração e sofrimento e habitualmente a resposta é a defesa sob a forma de contra-ataque ou submissão.

Como podemos alterar estes ciclos viciosos de comunicação?

Aprendendo novas formas de comunicar.

Uma linguagem diferente que apesar de utilizar as mesmas palavras, tem um foco diferente e um propósito simples: tornar a vida melhor.

Falo de Comunicação Consciente, sim.

A Comunicação Consciente não é uma utopia e aprendê-la é uma possibilidade ao alcance de todos, uma escolha consciente, um passo num sentido que nunca mais se inverte e nos muda realmente por dentro, porque no fundo o que todos queremos é uma VIDA BOA!


12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo